domingo, 18 de setembro de 2011

Falar demais e não jogar um caralh.....!

Grande Lição para VP:
Pela Boca Morre o Peixe!

O James isto, o james aquilo blá blá blá blá!!
FANFARRONICES da treta!
(não jogou nada, não correu, parecia uma vedeta - mas não teve culpa nenhuma em nada!)
VP: a minha função é não estragar! (como disse?)
DEVIAS era ter dito:
que este era o jogo mais importante da época, blá blá blá;
que é nestes jogosque se ganham os campeonatos,
e ainda: que o Feirense é uma grande equipa que só não ganhou ao Clube do Regime porque o árbitro não deixou!

Andava o VP tão bem, tão caladinho...
HUMILDADE CAR.......... e para se ganharem jogos é preciso correr!

Força Porto


4 comentários:

Dragus Invictus disse...

Bom dia,

Ontem fizemos um jogo muito fraquinho. Fizemos uma primeira parte que mais parecia um filme do Manoel de Oliveira.

Perdemos 2 pontos, por culpa própria, pois não encaramos o jogo com a devida atitude desde o apito inicial.

O lance da expulsão de James foi o culminar de um jogo para esquecer.
James levantou-se impetuosamente na direcção de Rabiola, que se aproveitou para teatralizar, levando o árbitro a expulsar o seu colega de profissão. Rabiola pelo menos no teatro terá futuro.

Kléber segundo Vítor Pereira estava tocado e por isso foi substituído.
Não compreendo porque é que Walter não entrou na partida, na qual com a pressão do Porto se adivinhavam muitas bolas perdidas na área, impondo-se por isso a sua presença à falta de melhor.

Ontem ficou claro que sem pudermos contar com Hulk, escasseiam soluções para jogar no centro do ataque.
Iturbe ainda está a marinar e tarda a aparecer, e há que decidir de uma vez por todas se Walter conta ou se é só para fazer número.

O resultado foi justo e mau antes da recepção ao Benfica.

Podíamos com uma vitória ontem e outra diante do Benfica, disparar na tabela classificativa.

Valeu o fantástico apoio dos portistas que se deslocaram a Aveiro, que não mereciam este empate.

Agora há que rever o de menos bom, melhorar e recuperar os jogadores para o jogo diante do Benfica.

Abraço

Paulo

pronunciadodragao.blogspot.com

Dragaopentacampeao disse...

Dois pontos perdidos por culpa de uma exibição deplorável, caracterizada por uma atitude contraproducente, que eu imaginava já completamente erradicada do seio deste valioso plantel. Engano meu e quiçá do próprio treinador que ao invés de corrigir alguns excessos de confiança ajudou a complicar a situação.

Quem porfia, mata caça, quem relaxa passa «traça». Foi o que aconteceu exactamente.

O nulo no marcador reflecte a atroz incapacidade de acertar na baliza. Na primeira parte os nove remates portistas não foram na direcção da baliza e na segunda, os remates mais perigosos esbarraram nos ferros. Varela teve a baliza escancarada e atirou para fora...

Mau de mais para um plantel composto de gente capaz de fazer imensamente melhor. As faltas de Álvaro Pereira e Hulk não chegam para justificar tamanha incompetência.

Que todos aprendam a lição pois exibições similares serão certamente repudiadas pelos incansáveis apoiantes portistas, únicos que mereciam a vitória.

Um abraço

P. Ungaro disse...

Boas,

Os adeptos foram os melhores no estadio.

Primeiro penso que o Vitor Pereira não esteve muito bem nas opções, primeiro na convocatória, depois nas opções para a equipa titular e por ultimo nas substituições.
Depois a aquipa esteve apatica, a jogar a passo, sem rasgo.
Espero que o resultado sirva de exemplo para futuro.

Um abraço

http://fcportonoticias-dodragao.blogspot.com

AZUL DRAGÃO disse...

Temos é que saber falar dentro do campo !



Um abraço