segunda-feira, 6 de setembro de 2010

EQUIPA À PORTO

Um comentário:

Dragus Invictus disse...

Foram uns últimos 15 segundos emocionantes, com as equipas estavam empatadas a 23 golos, o Dragão Caixa deitava labaredas, os jogadores do Dínamo a fazer tudo por tudo para evitar a derrota, um jogador bielorusso é excluído a 10 segundos do fim, o nosso treinador e bem retira Laurentino e coloca Gilberto Duarte no ataque, os bielorrusos aguentam os nossos bravos atletas, faltam 5 segundos e na marcação de uma falta surge uma jogada fantástica, a bola é colocada na ponta esquerda em Wilson Davyes, que simula remate e faz um passe que sobrevoa a área para a ponta direita para Ricardo Moreira que conclui com um excelente golo … o árbitro não valida … passavam umas milésimas de segundos depois do apito final… na bancada gritámos golo … só percebi que tinha sido invalidado quando vi o Ricardo Moreira cair frustrado com as mãos na cabeça.
O público do Dragão Caixa reage de imediato com um grande apoio aos nossos bravos jogadores que tudo fizeram para vencer.
Já no sábado levamos com uma dupla sueca de "encomendados", e ontem foi uma dupla dinamarquesa de "encomendados", tal como no futebol, estes árbitros nórdicos, também na EHF são os árbitros dos favores!!!
Estes árbitros, quando conseguimos uma vantagem de 4 golos, começam a festa, excluem um jogador portista, permitindo aos experientes bielorussos o empate e reviravolta no marcador que se manteve até final da primeira parte. Esta dupla dinamarquesa mandava os nossos atletas ter calma cada vez que os bielorussos usavam e abusavam do físico … sem serem excluídos.
Tivemos uma imensa falta de sorte nesta primeira parte com várias bolas nos postes, e com Dário Andrade numa tarde infeliz.
Na segunda parte entramos bem, e fizemos um parcial de 4 golos sem resposta que permitiu passar novamente para a frente. Até ao final foi um jogo equilibrado, e as vantagens nunca foram além de um golo.
Aos bielorussos bastava o empate, e com o passar dos minutos fizeram valer essa condição.
Sempre com o apoio do público, a equipa acreditou sempre e deixou a pele em campo.
Foram bravos os nossos rapazes, uns dragões valentes que mereciam a qualificação. Fomos roubados no sábado e ontem por arbitragens vergonhosas, que ajudaram a afastar-nos da EHF Champions League.

Paulo

pronunciadodragao.blogspot.com